Erasmus em Sofia

Martenitsas

DSC_0043_1

DSC_0057

Ao passear por Sofia, em uns dos principais jardins, que chegou a ser o jardim real, encontrei esta árvore cheia de pulseiras.

Logo percebi que se tratava de uma tradição búlgara sobre a qual a Mathilde me tinha falado (minha colega de quarto). Ela também tem uma pulseira. E as desta árvore são as “resistentes” do ano passado.

Estas pulseiras chamam-se “Martenitsas”. São pulseiras de lã branca e vermelha mas, também podem ser broches com bonecos simbolizando o masculino e o feminino. Podem ainda ter ferraduras ou trevos da sorte.

É tradição que se ofereçam estas pulseiras no dia 1 de Março, o chamado dia “Baba Marta” – que significa “Mãe Março”.

A pessoa que oferece a pulseira deve colocá-la no braço da outra pessoa e dar um nó e pedir um desejo.

A pulseira deve permanecer no braço até ao início da primavera (por volta de Abril).

Ao 1º sinal da chegada da primavera – quando vir uma cegonha, um pelicano (aves em migração na Bulgária) ou umaárvore a florescer a pulseira deve ser retirada e amarrada numa árvore que está a florescer. Então os desejos vão concretizar-se ao longo do ano.

Advertisements
Standard

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s